18.Jul.2016~18.Jul.2021 – 5 anos de eterna saudade

Faz hoje cinco anos que a Tina partiu, deixando um vazio enorme nos nossos corações.

Para a semana, vamos tratar do seu levantamento e mandar cremar as ossadas. O pote para as cinzas deve chegar amanhã se não existirem entraves na entrega porque esta já era para ter sido recebida esta semana e não foi.

As suas cinzas regressarão à casa que ela escolheu há 22 anos e ao quarto onde miseravelmente e por incúria médica, saiu para a urgência do hospital onde viria a falecer não da doença propriamente dita, mas de insuficiência respiratória devido a sépsis.

Como uma Esposa exemplar, uma Mãe e Avó magnífica, carinhosa e sempre atenta aos mínimos detalhes, tendo ajudado centenas e centenas de doentes internados quando trabalhava no hospital, quando precisou de ajuda de “profissionais” de saúde – aqueles que, quando terminam o curso de medicina fazem o juramento de Hipócrates -, foi-lhe negada, miseravelmente a ajuda de que tanto necessitava.

Por tudo o que passaste, durante os mais de seis anos de doença e em que fui teu cuidador, sem ter a mínima preparação e/ou conhecimento, mas dando o melhor que podia e que ia inventando para aliviar o teu sofrimento, de certeza absoluta que te encontras em Paz.

Parte da tua história, das nossas (eu e da Vera) visitas ao cemitério, onde te levávamos as flores que tanto gostavas, encontra-se gravada no meu Blogue

https://inforgom.pt/new-cuidador/

que depois da tua cremação, será encerrado mas continuará on-line.

 

Recordação…

Se fosses viva, farias hoje 83 anos de idade Deixaste-nos há 21 meses mas estás e estarás sempre presente nos nossos corações, no nosso pensamento e nas nossas recordações.

Com este, é o segundo ano consecutivo que não apagas o teu bolinho de aniversário mas eu e a Vera faremos isso por ti minha querida. 52 anos de casados é mais que uma vida e com bons e menos bons momentos, com a minha ausência de 22 meses na guerra, passámos tempos felizes, criaste as nossas duas filhas e as nossas duas netas que já estão umas mulherzinhas. A Raquel daqui a um mês fará 18 anos e a Rita fez 12 no passado mês de Dezembro.

Não se desejam parabéns a falecidos mas onde quer que estejas, saberás que nunca te esqueceremos minha querida.