Um mau exemplo. “Se não cumprimos as regras a situação pode descontrolar-se”

Bastonário da Ordem dos Médicos avisa que não pode haver facilitismos até que 60 a 70% da população esteja vacinada. Epidemiologista Carmo Gomes pede testagem em massa a quem esteve nos festejos do título leonino.

(ler notícia em: Diário de Notícias)

Quer sejam manifestações em massa, sejam, elas de que tipo forem, ou em escala reduzida, o que está estabelecido é a proibição de ajuntamentos de mais de 10 pessoas.

E esta determinação da DGS NÃO ESTÁ A SER CUMPRIDA! Então para que serve legislar se as leis não se cumprem? Faz lembrar o Código da Estrada que não é cumprido pelos automobilistas, apesar de estes terem efectuado o respectivo exame de Código, tal como estacionamento selvagem em cima dos passeios, das passadeiras, das paragens dos transportes públicos, bloqueio de portas de prédios, etc…

Sem qualquer pudor ou sentido de responsabilidade, a irracionalidade, a falta de cidadania e de civismo, imperam na organização de passeatas, com um grupo de gente que não respeitou as directrizes sanitárias, desde o início da actual pandemia do COVID-19, apenas tendo uma ligeira paragem mas recomeçando de novo no Domingo passado, em pleno Estado de Calamidade nacional!

E quando estas passeatas são organizadas e promovidas por um médico, “especialista” em medicina familiar, nada mais há a acrescentar, a não ser o rebanho que continua a seguir o seu “pastor” sem medir as consequências nefastas que dessas passeatas podem acontecer.

É o Portugal dos Pequeninos que actualmente existe, acéfalos sem qualquer noção do perigo em que incorrem, além de prejudicarem terceiros que sempre cumpriram as directivas sanitárias.

Multa-se a torto e a direito, muitas delas sem justificação, deixa-se andar esta gajada à balda, sem qualquer impedimento, por parte das autoridades competentes.

 

Não me calo…!!!

A IRRESPONSABILIDADE e a IRRACIONALIDADE continuam a frequentar e a afectar mentes tacanhas, próprias de ACÉFALOS sem um mínimo de RESPEITO pela comunidade onde se inserem.

Falta de CIVISMO e de CIDADANIA, são apanágio desta gentinha que anda a organizar, promover e participar, em passeatas em grupos além dos limites permitidos pela actual PANDEMIA e em ESTADO DE CALAMIDADE NACIONAL, além de NÃO RESPEITAREM A DISTÂNCIA SOCIAL preconizada pela DGS e decretos do governo.

E são como aquelas pilhas que duram… duram… duram…

Não existe autoridade que ponha cobro a estas INFRACÇÕES? Multam pessoas que comem uma sandes dentro da sua viatura e esta gajada anda à solta sem qualquer inconveniente?

Porra, pá! Esta merda já TRESANDA!!!

… é que a PANDEMIA ainda não se foi embora! O bicho continua por cá e vai durar ainda muito tempo com a ajuda destes labregos que não possuem a mínima noção da gravidade da situação. Um autêntico rebanho guiado pelo seu pastor que é tão burro quanto eles! LEIAM SEUS ANORMAIS: “Mais uma morte e 158 casos em Portugal em 24 horas. Há mais nove internados.

Há agora 73 doentes com covid-19 internados em unidades de cuidados intensivos. R(t) mantém-se em 0,92 a nível nacional e a incidência continua a descer.” Embora o R(t) esteja na zona “verde”, as mortes e infectados não param, embora em menor número. MAS CONTINUAM A EXISTIR!

Publicado no Facebook em 10.05.2021